Adubo mineral 15-15-15

O Abono 15-15-15 é um fertilizante muito completo que permite ter uma fonte ótima dos três macro nutrientes primários N-P-K, melhorando a qualidade de algumas hortaliças de folha e ornamentais.

[vc_row][vc_column][vc_column_text]

Abono mineral de elevada qualidade indicado para muitas produções. Utiliza-se principalmente quando se procura satisfazer as necessidades nutritivas da planta de forma equilibrada. O adubo mineral da Projar contém azoto, fósforo e potássio.

Utiliza-se em todo tipo de produções em geral. Favorece o desenvolvimento radicular, o crescimento de fruto o desenvolvimento vigoroso da planta verde.

COMPOSIÇÃO DO ABONO MINERAL 15-15-15

Riquezas garantidas
15% Nitrogéneo total (N)
15% de Nitrogéneo Amoniacal
15% Pentóxido de Fósforo (P2O5) total
14,25% Pentóxido de Fósforo (P2O5) solúvel em citrato amónio neutro e água
13,50% Pentóxido de Fósforo (P2O5) solúvel em água
15% Óxido Potássico (K2O) soluble en agua
25% Trióxido de Enxofre (SO3)

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/1″][vc_separator color=”mulled_wine” align=”align_center”][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/4″][vc_icon type=”fontawesome” icon_fontawesome=”fa fa-eur” icon_openiconic=”vc-oi vc-oi-dial” icon_typicons=”typcn typcn-adjust-brightness” icon_entypo=”entypo-icon entypo-icon-note” icon_linecons=”vc_li vc_li-heart” color=”juicy_pink” background_color=”grey” size=”xl” align=”center” background_style=”boxed” link=”url:%2Fsolicitud-pedido-abono%2F||”][vc_column_text]

COMPRAR

[/vc_column_text][/vc_column][vc_column width=”3/4″][vc_column_text]

¿QUER COMPRAR ESTE PRODUCTO?

PREÇO SEM IVA: 18,50 €/saco

PREÇO COM IVA: 22,39 €/saco

ENVIO: 9,6 € inclusive IVA (PREÇO PARA 1 SACO)[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/1″][vc_separator color=”mulled_wine” align=”align_center”][vc_column_text]

PAPEL NUTRICIONAL DO ADUBO 15-15-15

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”4296″ border_color=”grey” img_link_large=”” img_link_target=”_self” img_size=”100X100″ alignment=”center”][vc_column_text]

NITROGÉNEO

O nitrogéneo nas plantas é necessário para a síntese da clorofila: enquanto parte integrante da molécula de clorofila, está envolvido no processo da fotossíntese. O nitrogéneo é directamente responsável do aumento de  conteúdo protéico nas plantas. Quantidades adequadas de Nitrogéneo produzem folhas de cor verdeescuro pela alta concentração de clorofila e a mesma participa no processo de convesão do Carbono, Hidrogênio e Oxígênio em açúcares simples que serão utilizados no crescimento e desenvolvimento da planta.

[/vc_column_text][vc_column_text]SINAIS DE DEFICIÊNCIA DE NITROGÉNEO

– A planta está verde pálido.

-As folhas mais baixas aparecen amareladas e castanhas.

– Os sintomas aparecen primeiramente nas folhas mais velhas e estendem-se por toda a planta.[/vc_column_text][/vc_column][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”4297″ alignment=”center” border_color=”grey” img_link_large=”” img_link_target=”_self” img_size=”100×100″][vc_column_text]

FÓSFORO

O fósforo é essencial para o crecimento da planta, pois desempenha um papel importante na fotossíntese, a respiração, o armazenamento e a transferência da energia, e na divisão e o crescimento celular. Capta a luz e a converte em componentes essenciais para a planta. Promueve o desenvolvimento das raízes, melhora a qualidade da fruta, da folhagem das legumes e é vital para a formação das sementes, pois está envolvido na trasferência das caracteristicas genéticas de uma geração a outra. Fortalece o talo.

[/vc_column_text][vc_column_text] SINAIS DE DEFICIÊNCIA DE FÓSFORO

– A planta tem uma tonalidade escura, avermelhada ou púrpura.

– As folhas mais baixas tem um cor amarelado e verdeescura.

– Os sintomas aparecem primeiramente nas folhas mais velhas, mas estendem-se por toda a planta.[/vc_column_text][/vc_column][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”4299″ alignment=”center” border_color=”grey” img_link_large=”” img_link_target=”_self” img_size=”100X100″][vc_column_text]

POTÁSSIO

É fundamental no processo da fotosíntesse, pois melhora a açao das enzimas. ë essencial para a síntesis das proteínas, decisivo na descomposição dos carboidratos e portanto fornece energia    para o crescimento da planta. Graças a isso, mantém a vigorosidade da planta e lhe proporciona mais resistência ao ataque de doenças ou condições climáticas extremas, além disso o aumento da capacidade de formação e carga de frutos. Contribui o desenvolvimento radicular.  Por outro lado, lhe confere uma maior capacidade para suportar condições de estresse por  escasez de água, é determinante na capacidade dos estomas de abrir e fechar quando a planta está submetida a condições de seca.

[/vc_column_text][vc_column_text] SINAIS DE DEFICIÊNCIA DE POTÁSSIO

– Folhas afectadas ou queimadas.

-As bordas das folhas são necrosados.

– Os sintomas aparecem nas folhas mais velhas.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/1″][vc_column_text]

COMPORTAMENTO NO SOLO

Nitrogéneo: As plantas absorvem a maioria do Nitrogéneo em forma de íons Amonio (NH+4) ou Nitrato (NO-3) e em pequena proporção o obtêm de aminoácidos solúveis em água. Os cultivos absorvem a maior parte do Nitrogéneo com nitratos, entretanto estudos recentes revelam que os cultivos utilizam quantidades importantes de Amonio estando presente no solo. No processo de Nitrificação ao converter (NH+ 4) em (NO– 3), liberam-se íons H+, este processo produze acidez no solo.

Fósforo: El P2O5 é um elemento que têm pouca mobilidade no solo, e consequentemente é um produto muito  estável,por isso as perdas por lixiviação são son mínimas. Devido a esta caracteristica do Fósforo, é determinante para um máximo aproveitamento o método e a profundidade de aplicação dependendo do cultivo, por outras palavras, colocando dento da área de desenvolvimento radical e assegurando a proximidade com a área de absorção das raizes. O pH é um fator que afecta seriamente a solubilidade e disponibilidade do Fósforo.

Potássio: Apesar de que a maioria do solos são ricos em Potássio (K), solamente uma mínima parte (2%) de Potássio é disponível para a planta. Existem duas formas de K disponível: uma é o K na solução do solo (em água no solo) e o K intercambiável retido nas argilas e a matéria orgânica do solo. Os colóides do solo têm cargas negativas (-) que atraem os cátions com o Potássio  (K+). O Potássio é praticamente imóvel no solo, o suo movimento para o sistema radicular do cultivo é por difusão (através da película de água que rodea as partículas do solo). Em solos arenosos e orgânicos pode ser lixiviado, os solos arenosos têm baixa capacidade de retenção de cátions e o K intercambiável é menor.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row full_width=”” parallax=”” parallax_image=””][vc_column width=”1/1″][/vc_column][/vc_row]